Navegar

8 de Maio de 2018, 13:19h

Estudantes se preparam para a 24ª edição da Olimpíada de Maio

Estudantes de todo o país participam neste sábado (12) da 24ª Olimpíada de Maio. A prova será aplicada simultaneamente em Portugal, Espanha e 12 países da América Latina.

Pelo Brasil, disputarão estudantes premiados na 39ª Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM) de 2017 com medalhas de ouro, prata, bronze e menções honrosas ou que tenham sido selecionados pelo coordenador regional.

Leia também: Folha: Pesquisador do Impa foi referência na matemática
Gugu ganha Prêmio Erdös por contribuição à Matemática
Na Paraíba, estudante dribla percalços e conquista três ouros

As provas serão realizadas às 10h (horário de Brasília) nos locais designados pelos coordenadores regionais da OBM.

A competição é disputada em dois níveis. No nível 1, participam os estudantes que não tenham completado 13 anos de idade até 31 de dezembro de 2017, ou seja, nascidos a partir do 1º de janeiro de 2005.

Participam do nível 2 os estudantes que não tenham feito 15 anos até 31 de dezembro de 2017 (nascidos a partir do 1º de janeiro de 2003).

O teste apresenta cinco problemas discursivos que deverão ser resolvidos em até três horas. Cada estudante só poderá participar em um dos níveis (de acordo com a idade). Posteriormente, as dez melhores provas de cada nível serão enviadas à FICOM (Federação Ibero-americana de Competições Matemáticas), em Buenos Aires (Argentina). A entidade reunirá as melhores provas dos países competidores para definir a classificação final. Veja provas de anos anteriores.

Competição

Realizada desde 1995, a Olimpíada de Maio tem como objetivo estimular e desafiar estudantes com habilidade matemática, favorecendo relações de amizade e cooperação internacional. A participação brasileira na competição é organizada pela OBM.

Leia também: Há um ano, a Matemática perdia Elon Lages Lima
Artigo debate formação de professores de matemática
No Dia Nacional da Matemática, uma história sobre Malba Tahan