Navegar

2 de julho de 2019, 14:44h

SBMAC premia Campolina por melhor Dissertação de Mestrado

Recém-admitido no Programa de Doutorado do IMPA, Ciro Sobrinho Campolina Martins tem motivos para acreditar que começa esta nova etapa acadêmica com o pé direito: é o vencedor do Prêmio Odelar Leite Linhares de Melhor Dissertação de Mestrado, concedido pela Sociedade Brasileira de Matemática Aplicada e Computacional (SBMAC).

Intitulada “Fluid Dynamics on Logarithmic Lattices and Singularities of Euler Flow”, a dissertação orientada pelo pesquisador Alexei Mailybaev se propôs a debater o campo da Dinâmica dos Fluídos com enfoque na questão dos fluidos incompressíveis.

Leia também: Nas cartas do baralho, o empurrão para a Probabilidade
IMPA abre seleção para o cargo de especialista em TI 
OBMEP na Escola é mostrado em reportagem na GloboNews

Constatando o grau de complexidade  dos conjuntos de equações matemáticas empregados para descrever os movimentos desse tipo de fluído, Campolina percebeu que tais fatores dificultavam a compreensão dos pesquisadores sobre a fenomenologia física.

No projeto, o então mestrando desenvolveu uma nova técnica de modelagem que simplifica as equações de Euler e  permite o acesso às soluções por meio de métodos computacionais. O matemático confirmou, por meio desta técnica, a formação de uma singularidade em tempo finito. Ele argumentou que a singularidade é inacessível mesmo a supercomputadores, quando aplicadas as técnicas numéricas tradicionais.

Com a dissertação defendida e premiada, Campolina revela sua satisfação: “Sinto-me honrado em representar o IMPA, particularmente o Laboratório de Fluidos, e em contribuir por meio de meu trabalho à Matemática Aplicada e Computacional, tão prezada pelo professor Odelar”.

Os próximos planos de Campolina incluem dar continuidade à pesquisa em sua tese de doutorado. Agora, ele se dedicará a aplicar a técnica desenvolvida no mestrado em outros problemas ainda sem solução envolvendo singularidades em fluidos. 

Na opinião do pesquisador Mailybaev, seu orientando está em um momento especial no início desta nova etapa.

“Ciro é o primeiro aluno do IMPA que conseguiu o prêmio de primeiro lugar. Ele está no inicio de seu doutorado. Este reconhecimento dará novos incentivos à sua pesquisa cientifica.”

A cerimônia de premiação acontecerá em 16 de setembro, durante o Congresso Nacional de Matemática Aplicada e Computacional, na Universidade Federal de Uberlândia (UFU), em Minas Gerais. 

A dissertação está disponível aqui

Leia também: Na Folha de S.Paulo, o segredo para ganhar no jogo
Escolas federais têm o melhor desempenho na OBMEP