Navegar

29 de agosto de 2019, 17:43h

IMPA sedia conferência em topologia simplética

O matemático Egor Shelukhin da Universidade de Montreal (Canadá) fez palestra sobre cohomologia simplética e conjectura de Viterbo nesta quinta-feira (29), no auditório Ricardo Mañé, no IMPA. A apresentação integra a programação da Conferência Internacional em Topologia Simplética, que começou nesta segunda-feira (26) e termina na sexta (30). 

O evento é produzido pelo IMPA e faz parte do semestre temático em geometria simplética. Seu objetivo é promover colaborações entre pesquisadores nacionais e internacionais e inspirar jovens matemáticos a explorar o campo da topologia simplética. Área relativamente nova no Brasil, a topologia simplética é um tópico importante na interseção entre geometria, topologia, análise e geometria algébrica.

Leia também: Novello usa a realidade virtual para ver espaços matemáticos
Marcelo Viana recebe Prêmio CBMM por contribuição à ciência
Jacob Palis é homenageado com Prêmio Abdus Salam 2019

O pesquisador do IMPA, Vinicius Ramos, é um dos organizadores da conferência. Ele afirmou estar satisfeito com os resultados, e falou sobre a importância de sediar  um encontro com enfoque em Topologia Simplética.

“Além de abordar alguns tópicos novos e pouco explorados em encontros de matemáticos pelo Brasil, como a simetria de espelhos e a categoria de Fukaya, esta conferência é fundamental para reforçar elos. A comunidade local tem a oportunidade de ouvir pesquisadores de ponta da área, e os palestrantes estrangeiros têm a chance de conhecer os trabalhos que estão sendo feitos no Brasil”, afirmou.

Em sua primeira “visita científica” ao Brasil, o israelense Egor Shelukhin ministrou palestra sobre uma prova recente de uma conjectura Viterbo relacionada a limites uniformes na norma espectral das subvariedades lagrangianas exatas. Em entrevista ao IMPA, o especialista em topologia simplética, revelou o que o fascina nesta área da Matemática.

“O especial desse campo é que ele é geométrico, mas de uma forma diferente. Normalmente em geometria nós estudamos ligações e ângulos, mas em topologia simplética nós estudamos também áreas bidimensionais que se comportam de forma bastante interessantes”, contou Egor que quando criança já havia visitado o Brasil. 

Ao longo da semana, os 43 participantes da conferência acompanham as apresentações de 19 pesquisadores. Os cursos podem ser assistidos no
canal do IMPA
no YouTube. Nesta sexta-feira (30), Yanki Lekili da Kings College de Londres encerra o ciclo de palestras, abordando o tema da curva Fargues-Fontaine.

Além de Vinicius Ramos, integram o comitê organizador e científico do evento Marta Batoréo (Universidade Federal do Espírito Santos — UFES), Daniele Sepe (Universidade Federal Fluminense — UFF) e Renato Vianna (Universidade Federal do Rio de Janeiro — UFRJ).

Leia também: Programa OBMEP na Escola tem os locais de prova divulgados
Os matemáticos acharam todas as simetrias