Navegar

6 de junho de 2017, 15:33h

Prêmio valoriza práticas educativas de sucesso

 
 
 
Um professor motivado pode ajudar a transformar a vida de muitos estudantes. Que o digam os alunos de mestres como Luiz Felipe Lins, da Escola Municipal Francis Hime, na periferia do Rio, e Antônio Cardoso do Amaral, da Unidade Escolar Teotônio Ferreira Brandão, de Cocal dos Alves, no Piauí, premiados na OBMEP pelo trabalho que desenvolvem como professores Matemática.
 
E é por saber quão importante é o papel do professor para a melhoria do ensino e para o futuro de crianças e adolescentes que a Fundação Victor Civita lançou, em 1998, o Prêmio Educador 10. Apresentado, este ano, pela Editora Abril e Rede Globo, em parceria com a Fundação Roberto Marinho, ele dissemina práticas educativas de sucesso e valoriza o empenho de profissionais que fazem a diferença em sala de aula e na gestão de unidades de ensino.
 
As inscrições podem ser feitas até o dia 12 de junho pelo site www.educadornota10.org.br. O prêmio é destinado a professores da Educação Infantil até o 9º ano do Ensino Fundamental – incluindo Educação de Jovens e Adultos (EJA) – das disciplinas de Alfabetização, Matemática, Língua Portuguesa, Educação Física, História, Arte, Língua Estrangeira, Ciências e Geografia. No Ensino Médio, o Educador Nota 10 inclui as disciplinas de Matemática, Língua Portuguesa, História, Geografia, Física, Química e Biologia, incluindo EJA.
 
Entre os gestores, podem se inscrever diretores, coordenadores pedagógicos e orientadores educacionais da Educação Infantil, de 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. EJA também participa.