Navegar

19 de fevereiro de 2018, 13:52h

Tese de Yadollah Zare pode ser usada em problema de Hilbert

Tímido, de poucas palavras, o estudante de doutorado Yadollah Zare ainda enfrenta alguma dificuldade para se expressar em língua portuguesa. Oriundo de Shiraz, cidade do sudoeste do Irã, está há apenas quatro anos no Brasil cursando a pós-graduação. Ele se vira bem ao falar, mas isso não será problema durante sua defesa de tese, programada para a tarde desta segunda-feira (19).

Leia também: IMPA realiza o workshop Graphs and Randomness
Em dia de eclipse, a Matemática pode salvar da fogueira
A matemática pode tornar eleições mais justas

Quando o assunto são os números, a linguagem deixa de ser barreira. A disciplina flui naturalmente para ele e os pesquisadores na banca.

O gosto pela matemática foi despertado na infância, quando Yadollah percebeu que se dava bem nas matérias de exatas. Apesar de ter boas notas também em física, acabou optando pela ciência de Pitágoras.

Cursou o bacharelado na Universidade de Shiraz, mestrado na Universidade de Tarbiat Modares (em Teerã) e o doutorado no Brasil, sob a orientação de um conterrâneo, o pesquisador do IMPA Hossein Movasati.

Foi com o aval de Movasati que Yadollah deixou o Irã para se aventurar nos estudos em terras brasileiras para se dedicar à pesquisa em Folheações Holomorfas.

Embora a tese “Pull back of polynomial differential equations” seja em Matemática Pura, ela têm aplicações no 16º problema da lista de David Hilbert, apresentada ao mundo matemático no 2º Congresso Internacional de Matemáticos de 1900, em Paris (França). O problema, ainda em aberto, trata da topologia de curvas e superfícies algébricas.

O trabalho de Yadollah será analisado às 15h30, na sala 228, pela banca formada por seu orientador e mais cinco pesquisadores: o ex-diretor-geral do IMPA, César Camacho, Alcides Lins e Paulo Sad (IMPA), Younes Nikdelan (UERJ) e Thiago Fassarella (UFF).

Após garantir o título de doutor, o jovem iraniano parte em março para o período de um mês de estudos na Alemanha. Com planos de fazer pós-doutorado no exterior, aguarda respostas das candidaturas. 

 

SERVIÇO:

Defesa de tese Yadollah Zare

“Pull back of polynomial differential equations “

Data: 19 de fevereiro | Horário: 15h30 | Local: sala 228

Leia também: Estudo do IMPA e do Technion revela método que paralisa a luz
IMPA homenageia Alan Baker em palestra de divulgação dia 21
IMPA e SBM lançam livro sobre ensino de Matemática