Navegar

31 de agosto de 2018, 07:47h

Workshop ajuda jovens matemáticos a planejar carreira

Organizado pelos pesquisadores Emanuel Carneiro e Roberto Imbuzeiro, o workshop “Perspectivas para jovens matemáticos” tem o objetivo de ajudar os estudantes a planejar suas carreiras em pesquisa desde a pós-graduação até as etapas posteriores.

Carneiro conta que o projeto era apenas para os alunos do IMPA, mas foi ganhando espaço, gerando interesse e vai ser transmitido ao vivo no YouTube do instituto. “Acho bacana que as pessoas tenham se interessado. A ideia deste evento é mostrar aos alunos um pouco da perspectiva da carreira de um matemático nos primeiros anos de formado”, ressalta.

Leia também:  IMPA abre inscrições para bolsas no Curso de Verão 2019

Matemático transforma ensino em unidade socioeducativa

Brasil conquista quatro medalhas na Cone Sul

Imbuzeiro afirma que a principal mensagem deste workshop é deixar claro aos alunos que a carreira em pesquisa já começou.

“O estudante entra no doutorado pensando com a mesma mentalidade de um programa acadêmico qualquer: ter certos objetivos a cumprir até submeter a tese para ser aprovada e ele ganhar o grau. Mas, na verdade, nesse período ele já deve agir como pesquisador”.

Acabei o doutorado. E agora o que faço da minha vida?

No evento, os participantes vão receber informações e conselhos sobre o doutorado, além de sugestões para candidaturas a pós-docs e submissões de projetos. Eles também vão acompanhar uma mesa redonda com os pesquisadores André Nachbin, Augusto Teixeira, Eduardo Esteves (IMPA) e Cecília Salgado (UFRJ).

Para Emanuel Carneiro, este encontro tem como objetivo “abrir a cabeça dos estudantes” em um momento em que ficam imersos em seus doutorados, sem pensar no que vem depois disso.

“Queremos mostrar as possibilidades e os desafios que vêm pela frente, apresentando a dinâmica a carreira científica em matemática aqui no Brasil e no mundo, para não serem pegos de surpresa quando acabar o doutorado”.

Imbuzeiro reforça esta ideia, pois entende que é durante o doutorado que o aluno deve fazer pesquisa, buscar oportunidade de se desenvolver e trilhar novos caminhos. “O doutorado é importante porque é a oportunidade de aprender a fazer isso num ambiente controlado, com a ajuda do orientador e dos colegas, mas é fundamental da vida profissional”, conclui.

O workshop “Perspectivas para jovens matemáticos” será realizado nesta sexta-feira (31), no Auditório do IMPA Ricardo Mañé, às 13h30.

Confira a programação completa aqui.

Leia também: Sete ouros na OBMEP, Luize criou o Matemática para Garotas 

Nicolas Bourbaki, o matemático que não existiu              

Plinio Murillo recebe Prêmio Gutierrez de melhor tese