Navegar

22 de maio de 2017, 09:54h

Problemas reais

“Maria tem 15 anos. Ela gasta 2 horas trocando 10 fraldas por dia. E usa 30 mamadeiras por semana. Quantas fraldas e quantas mamadeiras ela vai usar ao longo do mês?” O problema matemático nada usual faz parte de uma campanha da ONG Save The Children Peru em parceria com a McCann Lima para abordar o tema da gravidez precoce. No país, 15 de cada 100 adolescentes abaixo de 16 anos são mães, segundo dados do Unicef.

Tema ainda tabu em escolas peruanas, a educação sexual foi inserida em sala de aula por meio da Matemática, reduzindo, assim, a desinformação em torno do assunto. Com isso, objetos citados em problemas relacionados à matéria, como frutas e bolas, foram substituídos por elementos associados à gestação, por exemplo, fraldas e babadores.

Intitulada Problemas Reais, a campanha é composta por uma plataforma digital (www.problemasreales.com) e kits impressos com sugestões de exercícios. E foi tão bem recebida por professores, estudantes e pais que o Ministério da Educação do Peru avalia inseri-la no currículo básico das escolas.