Navegar

16 de fevereiro de 2018, 09:32h

Jean-Christophe Yoccoz (1957-2016): Um francês com um coração brasileiro

Jean-Christophe Yoccoz era um brilhante matemático. Como estudante, ganhou uma medalha de prata (1973) e uma ouro (1974) na Olimpíada Internacional de Matemática (IMO).
Graduou-se em Matemática pela École Normale Supérieure (Paris) sob a orientação de Michael Herman, um dos fundadores de Sistemas Dinâmicos, e completou o seu doutorado na Universidade de Paris-Sud (1985).

Leia também: A matemática pode tornar eleições mais justas
Estudo do IMPA e do Technion revela método que paralisa a luz
Editorial mostra papel do IMPA na chegada à elite matemática
Ele teve uma relação estreita com o Brasil, o IMPA e seus pesquisadores. Tudo começou na década de 1980, quando estudou no Instituto de Matemática Pura e Aplicada como parte do programa de “cooperação” do governo francês. Aprendeu português e, no Rio, encontrou sua futura esposa, Dalva, que lhe deu um filho, Tiago.
Em 1988, ganhou o Prêmio Salem e foi palestrante no Congresso Internacional de Matemáticos de Kyoto (Japão) em 1990.
Especialista em Sistemas Dinâmicos e importante matemático, Yoccoz foi membro de várias organizações acadêmicas internacionais, incluindo a Academia Francesa de Ciências e a Academia Brasileira de Ciências.
Professor do Collège de France e pesquisador honorário do IMPA, recebeu a Medalha Fields em 1994 no ICM de Zurique (Suíça). No ano seguinte, se tornou um cavaleiro da Legião de Honra francesa e foi premiado com a Grande Cruz da Ordem Nacional do Mérito Científico do Brasil (1998).
Ele morreu em 2016, aos 59 anos, deixando um legado importante para a matemática.

Leia também: IMPA homenageia Alan Baker em palestra de divulgação
No Brasil, atividades do Biênio dão popularidade à matemática
IMPA e SBM lançam livro sobre ensino de Matemática