Navegar

6 de dezembro de 2018, 12:56h

Finep vai apoiar participação em olimpíadas internacionais

Equipes na Olimpíada Internacional de Matemática 2017, realizada pela primeira vez no Brasil

Notícia boa para quem apoia e participa da Olimpíada Internacional de Matemática (IMO) e competições do gênero nas demais áreas do conhecimento: a Financiadora de Inovação e Pesquisa (Finep) acaba de lançar edital, no valor de R$ 500 mil, para financiar brasileiros selecionados para as competições. Serão concedidos recursos para as taxas de inscrição e despesas com deslocamento (passagens, vistos, seguros, diárias).

Segundo o diretor de Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Finep, Wanderley de Souza, a iniciativa foi motivada pelas campanhas recorrentes de estudantes brasileiros selecionados para as competições científicas internacionais, mas sem recursos para arcar com as despesas no exterior.

Leia também: IMPA abre vaga em Matemática Aplicada
Com a OBMEP, trimedalhista de Minas tornou-se autoconfiante
Modelo matemático explica padrão na pele de tubarões

“Os estudantes não podem mais depender de campanhas de financiamento coletivo para competir em outros países. Temos mentes brilhantes que precisam desse apoio”, destacou Souza, em reportagem no site da Finep, instituição vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

De acordo com a Finep, o objetivo é atuar como instrumento de descoberta e valorização do talento nas carreiras científicas, estimular o ensino e o saber científico, popularizar as Ciências e fortalecer a inserção e a transformação social por meio do acesso e participação em eventos relacionados às Ciências.

A chamada da Finep é destinada às organizadoras de etapas nacionais das olimpíadas, como o IMPA e a Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), responsáveis pela Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM).

Para o diretor-geral do IMPA, Marcelo Viana, a notícia é promissora: “Parabenizo a diretoria da Finep por esta iniciativa. As olimpíadas escolares têm um papel fundamental na divulgação do conhecimento científico e do gosto pela Ciência, e é muito positivo que elas possam contar com esse apoio”.

As propostas devem ser enviadas até 27 de dezembro. Um dos requisitos do edital é que a participação na etapa internacional da olimpíada seja no período de 1º de março de 2019 a 29 de fevereiro de 2020.