Navegar

25 de janeiro de 2019, 19:43h

Equipe feminina escalada para a disputa de olimpíada na Ucrânia

Equipe EGMO 2019

Mariana Bigolin, Ana Beatriz Studart, Maria Clara Werneck e Bruna Nakamura

Durante a cerimônia de premiação da Olimpíada Brasileira de Matemática (OBM), em Anápolis (GO), foram anunciadas as integrantes da equipe que representará o Brasil na European Girls’ Mathematical Olympiad (EGMO, Olimpíada Europeia de Matemática para Garotas, em tradução livre).

A seleção será formada por quatro alunas do Ensino Médio: Ana Beatriz Cavalcante Pires de Castro Studart, 17 anos, de Fortaleza (CE); Mariana Bigolin Groff, 17 anos, de Frederico Westphalen (RS); Maria Clara de Lacerda Werneck, 17 anos, do Rio de Janeiro (RJ), e Bruna Arisa Shoji Nakamura, 15 anos, de Indaiatuba (SP). 

Leia também: Pesquisadora do IMPA é destaque na Quanta Magazine
Rádio MEC faz reportagem sobre Live Coding no IMPA
Brasil anuncia equipe que disputará olimpíada na Romênia

Mariana Bigolin é a veterana da turma. Presente nas duas últimas convocações para a EGMO, a estudante gaúcha acumula medalhas em olimpíadas nacionais e internacionais de Matemática. Na EGMO, já conquistou uma prata (2018) e um bronze (2017). Também experiente é a cearense Ana Beatriz, que integra a seleção pela segunda vez. Ela ganhou uma prata em 2018.

Neste ano, a SBM, o IMPA e as escolas vão financiar a participação do Brasil na 8ª edição da EGMO, de 7 a 13 de abril, em Kiev (Ucrânia). A equipe brasileira participará da olimpíada pela terceira vez. Na competição, o país soma quatro medalhas de bronze, duas de prata e uma menção honrosa.

Leia também: 23 dos 76 aprovados na Unicamp têm medalhas da OBMEP e OBM
Cursos de verão no IMPA reúnem 400 estudantes de 11 países
Números primos de Mersenne, visando o infinito