Navegar

9 de agosto de 2018, 15:43h

Vincent Lafforgue encerra ciclo de plenárias do ICM 2018

Vencedor do prêmio da Sociedade Europeia de Matemática com apenas 26 anos, o pesquisador francês Vincent Lafforgue, do Centro Nacional de Pesquisa Científica (CNRS) e do Instituto Fournier de Grenoble, apresentou nesta quinta-feira a última palestra do Congresso Internacional de Matemáticos (ICM 2018). A dedicação à pesquisa Matemática está no DNA: Laurent Lafforgue, irmão mais velho de Vincent, é vencedor da Medalha Fields de 2002.

Leia também: Inspirado em Ramanujan, Math Park abre os 365 dias do ano
“Códigos quânticos corretores de erro não serão possíveis”
Na Turquia, uma vila para aprender e sonhar

“Quando eu era jovem, lia livros de grandes matemáticos que são amigáveis, que estimulam e convidam as pessoas a gostar de Matemática. São autores como Polya, Coxeter, Steenrod e Hardy e Wright. É muito importante estimular as crianças a se interessarem pela Matemática e também os jovens, antes de chegarem à universidade”, afirma Vincent Lafforgue. Também os livros de problemas das Olimpíadas de Matemática eram uma paixão de Lafforgue na juventude. O pesquisador apresentou a palestra “Parametrização Global de Langlands e shtukas para grupos redutivos”.