Navegar

11 de January de 2019, 10:17h

Inscrições abertas para o Prêmio Gutierrez de Matemática

Carlos Gutierrez foi pesquisador do IMPA

Se você defendeu ou orientou tese de doutorado em Matemática no ano passado, fique atento: as inscrições para o Prêmio Professor Carlos Teobaldo Gutierrez Vidalon 2019 já estão abertas e seguem até 1º de abril. Das dez edições, o Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) conquistou oito.

Criado pelo Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da Universidade de São Paulo (USP), em São Carlos, em parceria com a Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), o prêmio reconhece desde 2009 o melhor trabalho na área realizado anualmente no Brasil, nos quesitos originalidade e qualidade.

Leia também: Na Medicina, Alan de Pinho encontrou a Matemática
Calendários regulam a vida da humanidade há milênios
IMPA abre vaga em Matemática Aplicada

A distinção homenageia o pesquisador peruano Carlos Teobaldo Gutierrez Vidalon (1944-2008), que fez mestrado e doutorado no IMPA, onde permaneceu como pesquisador até 1999. Depois, atuou como professor titular no ICMC, contribuindo com a fundação e organização do grupo de pesquisa em Sistemas Dinâmicos.

Para concorrer à premiação, o autor ou orientador da tese deve enviar o arquivo do trabalho defendido e aprovado, em formato PDF, para o e-mail premiogutierrez@icmc.usp.br

Também é necessário enviar um texto, de até 25 linhas, que defenda e justifique, com base em padrões científicos de qualidade, por que a tese merece o Gutierrez 2019. O edital com as informações sobre o prêmio está disponível no site do ICMC.

A cerimônia de premiação acontecerá em 27 de agosto, às 14h, no auditório Fernão Stella Rodrigues Germano, do ICMC. O vencedor recebe R$ 3 mil.

Orientado por Belolipetsky, Plinio Murillo venceu em 2018

Desde 2015, o IMPA conquista o Gutierrez. No ano passado, o vencedor foi o colombiano Plinio Murillo, mestre e doutor pelo IMPA, hoje pesquisador da Escola de Matemática no Korea Institute for Advanced Study (KIAS), na Coreia do Sul. Ele foi premiado pelo trabalho “On arithmetic manifolds with large systole”, sob orientação de Mikhail Belolipetsky. 

Maria Cristina de Oliveira e  Plinio Murillo

Plínio e a diretora do ICMC, Maria Cristina de Oliveira Foto: Reinaldo Mizutani / ICMC

Na tese, foram estudados dois elementos geométricos –  os comprimentos de curvas e o volume – em espaços que têm forte ligação com teoria dos números, chamados variedades aritméticas. “O resultado principal é calcular a relação explícita entre o volume e o menor comprimento de uma curva fechada num tipo particular desses espaços”, detalhou Murillo à época

Leia também: Artesanato se antecipou à descoberta de poliedro
Curso de Verão 2019 reúne diversos sotaques no IMPA
IMPA abre vaga para Analista Administrativo